O Brasil que se vê negro

Veículo: O Globo
Data da matéria: 04/04/2024

Em artigo para O Globo Mariana Resegue, Diretora Executiva do C de Cultura e Ana Carolina Martins, co-fundadora da @avisionarialab, falam sobre a primeira vez em que o Brasil se reconhece como majoritariamente pardo e negro, segundo o último censo demográfico do IBGE. Os dados refletem uma mudança cultural de um país que se enxerga como miscigenado.

Resgatamos o Cultura em Evidência onde apontamos as dificuldades de acesso à cultura para as diferentes identidades raciais. De quem é a arte e o conhecimento que você consome e acessa? Como representar esses povos no poder?

Leia o artigo completo e compartilhe suas ideias com a gente!