Participação do C de Cultura na histórica 4ª Conferência Nacional de Cultura

A equipe do C de Cultura participou das atividades da 4ª Conferência Nacional de Cultura, que aconteceu entre os dias 4 e 8 de março de 2024, em Brasília (DF). Com o tema “Democracia e Direito à Cultura”, o evento está de volta depois de um intervalo de 10 anos e deve reunir cerca de 4 mil participantes de todo o Brasil. Veja toda nossa cobertura aqui.

A 4ª CNC é realizada pelo MinC e pelo Conselho Nacional de Política Cultural (CNPC), e correalizada pela Organização de Estados Ibero-Americanos para a Educação, a Ciência e a Cultura no Brasil (OEI). Além disso, conta com apoio da Faculdade Latino-Americana de Ciências Sociais (Flacso Brasil).  

Durante o evento, foram debatidas as políticas públicas culturais e definidas orientações prioritárias para assegurar transversalidades nas ações do setor. As propostas aprovadas durante o evento vão embasar as diretrizes do novo Plano Nacional de Cultura (PNC), que nortearão a próxima década.  Há três categorias de participação na 4ª CNC: delegados (as), que têm direito a voz e voto; convidados (as), que têm direito a voz e observadores (as), que poderão acompanhar todos os debates da Conferência.

Como observadores/as e convidados/as, a equipe do C de Cultura, junto com o Instituto Veredas, realizou duas atividades: roda de conversa sobre Aprendizados e evidências para fortalecimento de políticas culturais no Brasil e o lançamento da pesquisa Cultura em Evidência, com distribuição gratuita da publicação impressa e do material exclusivo, dois recursos que apoiam no acesso ao conhecimento sobre dados e evidências para fortalecimento das políticas culturais no Brasil.

A atividade foi correalizada com as delegadas Fernanda Morgani, conselheira de Cultura do DF; Selma Santiago, coordenadora de Políticas para as Artes da Secult/CE e Olívia Costa, coordenadora na Câmara Técnica de Reflorestamento CBH-PS e delegada pelo estado de São Paulo. O objetivo da nossa atividade, realizada de forma autogestionada, no dia 05 de março, foi compartilhar evidências sobre o campo cultural e refletir sobre sua importância na formulação de políticas públicas de cultura, de forma a contribuir para a qualificação dos debates conduzidos durante a 4ª Conferência Nacional de Cultura. Utilizamos como base uma leitura sobre o Cultura em Evidência, a partir dos seis eixos de orientação da Conferência.

No dia 6 de março, fizemos o lançamento da pesquisa Cultura em Evidência, no palco Multicultural, junto com outros autores e autoras que também lançaram seus livros e pesquisas. Nesta mesma ocasião, tivemos a oportunidade de distribuir de forma gratuita, a publicação impressa da pesquisa nas mãos de gestoras/es, fazedoras/es, secretárias/os e delegadas/os que levaram dados e evidências nacionais e internacionais para seus municípios, estados e espaços de formulação de políticas públicas.

Agora seguimos acompanhando as propostas e o desenvolvimento do PNC, articulando demais agentes de transformação para darem atenção à pauta da cultura como fator de desenvolvimento, participando de espaços de incidência e colocando a cultura como agenda prioritária para o investimento social privado.

Acompanhe nossa jornada pelo nosso perfil no instagram @cdecultura e Linkedin.