Quais são as evidências sobre o papel das artes na melhoria da saúde e do bem-estar? Uma revisão de escopo

Autoria: Daisy Fancourt; Saoirse Finn
Ano: 2019

Nas últimas duas décadas, houve um aumento significativo na pesquisa sobre os efeitos das artes na saúde e bem-estar, juntamente com o desenvolvimento de práticas e atividades de políticas em diferentes países da Região Europeia da OMS e em outros lugares. Este relatório sintetiza as evidências globais sobre o papel das artes na melhoria da saúde e bem-estar, com foco específico na Região Europeia da OMS. Resultados de mais de 3000 estudos identificaram um papel importante das artes na prevenção de doenças, promoção da saúde e no manejo e tratamento de doenças ao longo da vida. As evidências revisadas incluíram diferentes tipos de estudos, como estudos pilotos não controlados, estudos de caso, pesquisas transversais de pequena escala, estudos longitudinais de coortes representativas nacionalmente, etnografias comunitárias abrangentes e ensaios clínicos randomizados de diversas disciplinas. O impacto benéfico das artes pode ser ampliado por meio do reconhecimento e da ação com base nas evidências em crescimento; promovendo o engajamento com as artes em níveis individuais, locais e nacionais; e apoiando a colaboração entre diferentes setores.